Governo prepara força-tarefa para evitar perda de doses da vacina da Janssen

O Ministério da Saúde está preparando uma força-tarefa para distribuir as 3 milhões de doses da vacina da Janssen antecipadas pelo governo. Como os imunizantes vencem no dia 27 de junho, a ideia é aplicar apenas em capitais em um período de cinco dias. A expectativa é que o lote chegue ao Brasil na próxima semana, o que daria pouco tempo para preparação das equipes. Nesta terça-feira, 8, durante depoimento à CPI da Covid-19, o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, disse que a liberação das vacinas ainda depende de aspectos regulatórios dos Estados Unidos. “Nós temos doses de vacinas para vacinar a população brasileira até o final do ano. Qual é o nosso esforço? Antecipar essas doses justamente nos meses de julho e agosto. A partir de setembro o volume de vacinas é suficiente para assegurar que a população acima de 18 anos será vacinada, isso é um compromisso que estamos fazendo aqui com base em contratos que foram firmados”, afirmou.

O ministério não informou, porém, quantas doses cada local irá receber e a data exata da entrega. Em São Paulo, o secretário municipal de Saúde, Edson Aparecido, já planeja aplicar as vacinas contra a Covid-19 em profissionais da educação. Para o médico infectologista, Edimilson Migowski, a logística deveria priorizar municípios com boa cobertura da atenção primária. “Um bom critério escolher o município, algum de centro, que tenha uma boa estratégia de saúde da família. Porque queira ou não, é esse grupo de acaba executando o calendário vacinal. É extremamente necessário o planejamento a partir de agora, que a gente não desperdice ela ferramenta preciosa de saúde pública no contingenciamento da Covid-19 que é a vacina. E a grande vantagem dessa vacina, que tem uma tecnologia parecida com a da Fiocruz, é a vantagem de ser em dose única, alcançando bons níveis de proteção”, disse. O acordo com a Janssen prevê um total de 38 milhões de doses ao longo dos próximos meses.

*Com informações da repórter Letícia Santini

Deixe uma resposta