Governo firma acordo com cervejaria para gestão compartilhada de parque

Com uma área de 9.300 hectares, a Reserva Extrativista do Quilombo do Frechal fica localizada no município de Mirinzal, no Maranhão. Considerada uma unidade de conservação desde 1942, a região integra uma lista de 132 áreas que fazem parte do programa “Adote um Parque”, lançado em fevereiro deste ano pelo governo federal. Nesta segunda-feira, 5, a cervejaria Heineken assinou um protocolo de intenções para apoiar a preservação da área com o valor de R$ 500 mil pelo período de um ano. O acordo foi assinado na sede do Ibama, em São Paulo, localizada na região central da capital paulista. Estavam presentes o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, e o diretor de assuntos corporativos da Heineken, Mauro Homem.

O interesse em adotar a região da Reserva Extrativista do Quilombo do Frechal surgiu pela sua localização, explica Mauro Homem. “Para nós, aquela área está muito próximo de duas cervejarias importantes. Para a gente fazia sentido todo esse suporte nesse momento”, afirma. O valor do protocolo assinado é mais do que o dobro do orçamento regular da unidade de conservação, de acordo com o ministro do meio ambiente, Ricardo Salles. “No Maranhão, em especial, uma região que sofre bastante com a necessidade de investimentos, teve áreas degradas, queimadas, e esse investimento de mais do que o dobro do orçamento regular vai permitir recuperar áreas, fazer fiscalização, monitoramento com mais eficiência, mais tecnologia. Enfim, uma série de melhorias para aquela região”, diz. A reserva extrativista Quilombo do Flechal é a sexta unidade de conservação apoiada pela iniciativa privada no âmbito do programa.

*Com informações da repórter Nicole Fusco

%d blogueiros gostam disto: