Tarcísio acredita que “com ajustes”, governo consegue aprovar privatização da Eletrobras

O ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, disse que o governo sente no Congresso uma reação ao modelo de capitalização da Eletrobras proposto no ano passado, mas não à privatização em si. Para o ministro, com “alguns ajustes”, o interesse no projeto é convergente entre o Executivo e o Parlamento. “É uma privatização de grande porte, importante que o governo deve se engajar e priorizar a partir de agora. Discutindo com o Congresso o modelo, porque de certa forma o que a gente sente no Congresso não é uma reação à privatização, mas ao modelo proposto”, disse em live promovida pelo Bradesco.

%d blogueiros gostam disto: