Doação de R$ 120 mil a Doria pode “melar” nomeação de Renato Feder no Ministério da Educação

Cotado para assumir o ministério da Educação (MEC), Renato Feder, atual secretário estadual de Educação do Paraná, em 2018, fez doação de R$ 120 mil ao então candidato tucano ao governo de São Paulo, João Doria . Como sabemos, o presidente Jair Bolsonaro “detesta” o chefe do Palácio dos Bandeirantes e não gostou nada de ficar sabendo que o seu futuro ministro, num passado recente, teve “chamego” com seu desafeto.

%d blogueiros gostam disto: