Presidente da Câmara é investigado pela PF por crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

A Polícia Federal atribuiu, em 2019, ao presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), os crimes de corrupção passiva, falsidade ideológica eleitoral e lavagem de dinheiro. As investigações envolvendo o parlamentar fazem parte da Operação Lava Jato.

Conforme o relatório da PF, Rodrigo Maia recebeu e supostamente solicitou repasses da Odebrecht. O vereador e ex-prefeito do Rio de Janeiro, Cesar Maia (DEM-RJ), pai do deputado, também foi acusado de cometer os mesmos crimes.

Presidente da Câmara Federal, Rodrigo, Maia (DEM): na mira da Polícia Federal
%d blogueiros gostam disto: